Figuras na praia, 1931, Pablo Picasso

III
XVIII corpos nossos dois

do chão os pés que pisas
as histórias por contar
tristes amarguras
de vidas por viver
do chão os pés tão nossos
sapatos rasgados
coelhos no chão
cigarros nos olhos
eu quero ver-te ir
rasgar partir mentir
beber só dos teus olhos
amar amar no chão
amor tu és só minha
amor não és só minha
que do chão se bebem corpos
ainda quentes só no chão
corpos de nós dois
corpos de nós dois

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on pocket
Rui Sobral

Rui Sobral

Escritor que lê, escreve e medita. E repete todos os dias, não necessariamente na mesma ordem.

PARTILHAR